16 de novembro de 2017 Off Por Pedro Taunay Graça Couto

Fundo do Poço
Parecia um buraco sem fim.
Fui caindo, caí.
Ninguém pra me segurar.
Mergulhei numa escuridão total.
Era o fundo do poço.
Silêncio.
Angústia.
A respiração ofegante…
Acordei, ensopado de suor.
Fundo do poço